[livro] Reforma Psiquiátrica e política de Saúde Mental no Brasil

Reforma Psiquiátrica e política de Saúde Mental no Brasil

O início do processo de Reforma Psiquiátrica no Brasil é contemporâneo da eclosão do
“movimento sanitário”, nos anos 70, em favor da mudança dos modelos de atenção e gestão nas
práticas de saúde, defesa da saúde coletiva, eqüidade na oferta dos serviços, e protagonismo dos
trabalhadores e usuários dos serviços de saúde nos processos de gestão e produção de tecnologias de cuidado.

A Reforma Psiquiátrica é processo político e social complexo, composto de atores,
instituições e forças de diferentes origens, e que incide em territórios diversos, nos governos
federal, estadual e municipal, nas universidades, no mercado dos serviços de saúde, nos conselhos profissionais, nas associações de pessoas com transtornos mentais e de seus familiares, nos movimentos sociais, e nos territórios do imaginário social e da opinião pública. Compreendida
como um conjunto de transformações de práticas, saberes, valores culturais e sociais, é no cotidiano da vida das instituições, dos serviços e das relações interpessoais que o processo da Reforma Psiquiátrica avança, marcado por impasses, tensões, conflitos e desafios.

Formato: PDF
Número de páginas: 56
Tamanho: 1.78 MB

link para download: ACESSAR

Gostou? Faça um comentário!